quinta-feira, 24 de setembro de 2009

segunda-feira, 13 de abril de 2009

( IN ) SEGURANÇA

Ontem assisti na TV uma reportagem sobre a MAFIA Italiana. Vi paisagens na Italia que imaginava somente existir no Brasil, nos países latinos e na Africa. Mafiosos recebem do governo das regiões do Norte do País para levar lixo toxico para o sul. Êsse " serviço " rende 4 vezes mais do que o trafico de drogas.
Lixo por todo o lado. Pneus, latas, restos de todo tipo ao lado de estradinhas de terra e as margens de riachos. Como umas das consequencias, o indice de casos de cancer em Napoles é 20 % maior que a média nacional, só para citar apenas uma.
Fico aqui reflexionando. Re-flexionar é colocar os neuronios em atividade. A ciência nos diz que os neuronios funcionam por impulsos eletricos. Acho que é por isso que o pessoal do Sul da Italia permite que os seus governantes, juizes, politicos, policiais os deixem a mercê da Mafia.
Tenho para mim que os neuronios deveriam se movimentar. Nada de ficarem ali paradinhos esperando os tais impulsos eletricos, parecendo placa mãe de computador.
Neuronio bom é o que se inflama, muda de côr e de forma, se movimenta, se agita. Faz o cidadão tirar o trazeiro de frente da TV e sair para a rua, conversar com os vizinhos, na igreja, no clube e onde mais encontre seu semelhante.
Onde o invidualismo se instala, o governo recua e o banditismo toma conta. Na italia e no resto do mundo; o Brasil no meio.
A Italia, um dos 7 paises mais ricos do mundo, em todos os aspectos, nas finanças, na cultura, nas artes, nos esportes, etc.
País que sofre dos mesmos males do terceiro, porque lá como cá, há pessoas alienadas e individualistas.